Se você se envolveu no acidente, independente de sua culpa na colisão é seu dever providenciar socorro à vítima. A prestação de socorro não significa o seu atendimento médico, até porque somente os profissionais desta área que podem prestar este tipo de ajuda médica. Porém, você precisa proporcionar todos os recursos disponíveis e alcançáveis por você para que o ferido possa ser atendido o quanto antes por um socorrista ou médico.

Caso você não esteja envolvido no acidente, sempre verifique se alguém já providenciou o chamado dos paramédicos, e em caso negativo, é seu dever providenciar o atendimento pelos socorristas.

A omissão de socorro se caracteriza quando você pode e/ou deve ajudar, porém nada faz em prol do ferido.

Saiba mais informações no livro Manual Prático de Acidente de Trânsito, onde o leitor encontrará todos os passos para reaver os prejuízos sofridos em decorrência de um acidente de trânsito.

Deixe seu comentário